Crítica: DVD Márcia Fellipe e Forró da Curtição

Depois de idas, vindas, mudanças e mais mudanças atrás da outra a Curtição parece que encontrou um lugar momentaneamente. Em primeiro lugar, a banda agora é Márcia Felipe e Forró e a cantora que mudou bastante sua postura artística evidencia isso ao longo do DVD.

O repertório é um retalho de canções: começa bonito com as poucas autorais que MF e a sua produção lançaram ao longo do último ano. Se você quer saber e Tudo pelo seu amor são as únicas que lembram aos seguidores de MF que ela nasceu e cresceu no romantismo e não nessa pegada ostentadora do mercado que ela faz questão de dar força ao longo de seus shows e no repertório. As canções  seguintes vão de normais a uma vergonha sem precedentes: Strip-tease e Não quero o seu dinheiro são vergonhosas não somente nos arranjos excessivamente swingados e com praticamente zero sanfona, bem como o conteúdo de péssimo gosto, pois valoriza a sensualização da figura feminina, a futilidade e a exposição do corpo como se não vivêssemos em uma sociedade suficientemente machista. As demais canções soam como uma versão feminina de WS ou qualquer outro cantor do segmento só que com uma voz feminina linda e de alto nível, sobretudo nas técnicas vocais, como a de Márcia. O DVD começa a melhorar na parte final justamente em músicas que não são forrozeiras e, pra variar, importadas do Sertanejo Universitário além da carona na moda da ‘’sofrência’’ com os hits já cansados de Pablo. É lá pela faixa 18 que vemos uma inclinação mínima em relembrar a própria trajetória da cantora: Marcinha canta Um dia, hit da Limão com Mel, mais umas de Pablo e as 9 últimas canções são o baú da Márcia e infelizmente esse também decepciona: não só pela falta de muitos sucessos na voz dela mas pelo curto espaço de tempo (são 9 faixas executadas em 15 minutos) e, em alguns casos, cantadas rapidamente e deixando pedaços das letras faltarem, praticamente não dá nem tempo de sentir saudades.

Os detalhes técnicos não deixam mentir: a banda produzida pelo baterista R10 tem claras influencias do trabalho de Wesley Safadão e está disposta a tocar bem a sonoridade atual. O DVD é bem profissional, a qualidade do áudio é alta, a produção técnica de imagem é bem primorosa e o material deve agradar os novos fãs da cantora. Particularmente, não me agrado dos rumos que ela tomou na carreira e sonho para que o estilo consagrado por ela em outras bandas um dia volte a reinar no forró pra daí voltar ao repertório dela. As autorais românticas são muito lindas e poderiam receber mais atenção do grupo com clipes

Anúncios

Publicado em 10 de fevereiro de 2015, em coluna falando em forró, forró da curtição, marcia felipe. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. despeitado. Márcia é uma excelente cantora e tem vários seguidores e fã

    Curtir

Comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: