As melhores músicas do Forró 2014

O ano se encerra e começam as especulações de como será o próximo para o nosso ritmo querido. 2014 foi de muita surpresa, perdas importantes em bandas clássicas, mudanças duvidosas no ritmo, carreira solo a perder de vista e surpresas agradáveis como grandes músicas e parcerias. Hoje tenho a difícil missão de elencar as melhores canções do ano e o farei com argumentos divididos entre a canção citada e o ano da banda em questão e baseados no gosto comum e no indissociável gosto pessoal de quem vos escreve vamos lá

Toda noite – Calcinha Preta

A banda mais gostosa do Brasil teve provavelmente o pior ano de toda sua trajetória, entra e sai de vocalistas, fãs atormentados por boatos e adiamento constante do vol.28 com várias músicas descartadas e vazadas e muito mas muito arrocha. Bem, a tentativa de Gilton Andrade de manter relevante a sua banda deu certo em partes: ele trouxe de volta uma das cantoras de maior fã clube do forró, Paulinha Abelha, e seu esposo Marlus voltaram com muita moral ao grupo e predominou nos singles lançados que começaram com Todo mundo tem um sonho pra realizar (metáfora sobre a própria Paula na banda) mas foi com Toda noite que a CP conseguiu o posto de uma das melhores do ano: uma canção em ritmo de forró onde Paula usa a voz com muito charme numa letra apaixonada que poderia ir mais longe mas que é muito gostosa de ouvir e prova que o vozeirão da cantora está sempre ali a ser apreciado. Tomara que continue assim nos próximos lançamentos (menção honrosa: O mundo pode acabar, o melhor arrocha que a banda gravou na voz de Dennis Nogueira mas que não figura nessa lista por não ser forró)

Um dia – Limão com Mel

 




Fomos todos pegos de surpresa quando Batista Lima faltou que ia deixar a LCM para fazer carreira solo e, contrário de muita banda, a transição foi suave com promocionais e manobras musicais para não desagradar o público. Os esforços deram certo: Diego Rafael é o novo líder (aparentemente), César Sales podia cantar mais porém faz seu papel com louvor e a nova aposta Michele Andrade mostrou a que veio estreando e estourando com a canção Um dia. A letra é romântica do começo ao fim, tem a pegada Limão e is vocais da loira são de arrebentar, há tempos não me arrepiava com aqueles versos charmosos “Um djia você vai lembrar….” “Sai da minha agora de uma vez vaaaai desaparece”, resultado: a canção tocou em todo canto do nordeste e muita gente até lançou dizendo que também era sua (né Mara Pavanelly e Pablo?) mas o primeiro EP da LCM foi muito bem com essas e os singles subsequentes como Tá fazendo falta e Eu sei que você lembra

Destino – Noda de Caju

Noda de Caju começou o ano em baixa sem Valéria (que depois voltou) e Ricardinho mas logo apresentou um EP com novas e lindas canções e dentre os vocais se destacava a novata Juliana Braga. A música faz o estilo da Noda com romantismo, vozes sensuais e arranjos forrozeiros e como nada dura pra sempre, Juliana logo saiu e foi cantar no Forró Sacode mas deixou sua marca na banda que não foge das suas raízes.

Tá colado – Mel com Terra

Com um time de vocalistas invejável, Ana Amélia e João Filho, ovacionados pela crítica desde os tempos do Mastruz com Leite, voltaram a outra banda da empresa e fizeram uma das melhores canções do ano. Tá colado é uma declaração de amor entre João e Aninha com qualidade acima da média e muito romântica

Não vá embora – Forró dos Plays

O não sei mais o que vou fazer pra reconquistar o seu amor…É com os versos citados que Gil traz o Forró dos Plays aos holofotes no clipe mais bem produzido do ano e que mostra a cantora numa performance vocal invejável e parece que ela fica melhor a cada dia. Infelizmente a qualidade de repertório não é o forte das músicas que dão pro Doidim de Mossoró, as canções Santa no colinho de papai/Aquecimento da Mansão , Meu pai é foda e eu sou fodinha e Posição da Peppa Pig nem parecem ser da mesma banda. De qualquer forma, acho os dois muito talentosos no palco e uma das duplas mais sinceras no forró

Recaídas – Aviões do Forró

O Aviões foi mais midiatico do que nunca e a regravação de Recaídas caiu muito bem na voz de Xandy. Curioso que nos últimos 12 meses quase nenhum promocional foi lançado e cd oficial virou mais lenda que o vol 28 da Calcinha

Não me deu bola – Bonde do Brasil/Forró das Manas :


Um vídeo na internet apresentou Dayse Santana aos holofotes do forró. A sua banda Forró das Manas foi abraçada por cantoras como Mara Pavanelly e Solange Almeida e posterior regravação com o Bonde do Brasil lançou uma aposta pro forró com uma canção bonita e expressiva. Adolescentes nas bandas de forró não são novidades no forró mas eis um nome pra ficar de olho

Bateu a química – Anjo Azul :

A química bateu logo de cara. Sucesso do brega pernambucano, a banda do mesmo estado chegou emplacando esse hit no forró e na voz da carismática Simara Pires. Não teve um forrozeiro e uma banda se quer que não cantou essa música a exaustão (teve sim, tô exagerando) e por fim a canção foi um dos maiores sucessos comerciais do ritmo em 2014

Sou louco – Batista Lima:

Ele mal saiu da LCM e já chegou com tudo. Com um cd oficialmente de forró e com excesso de assertanejamento, que o Batista faz com louvor, a canção Sou louco tocou bem em alguns pontos do nordeste, a carreira do artista pode alçar vôos ainda maiores mas a canção Sou louco é muito bem pensada, arranjos estudados e letra de fácil assimilamento. Muito linda

Alô, é da rádio ?! – Forró dos Balas:

 

Costumo dizer que os Balas precisam perder mais a cara de Cavaleiros e Calcinha e tornar-se cada dia mais a cara de Bel, Ramon e Sandra. A música citada é muito boa e bonita, os CDs Promocionais são bem agradáveis de ouvir; Porém, os shows ao vivo ainda precisam de alguns ajustes. A letra de ALÔ É DO RÁDIO é bem interpretada e a velha idéia do apaixonado que se declara ao vivo perante o radialista ainda convence e agrada aos forrozeiros

Ninguém é dono de ninguém – Furacão do Forró:

Ela já tem uma grande carreira no forró mas chegou com a difícil missão de substituir Mara na Furacão e fez com muito sucesso. Elayne Tyne chegou dizendo que ninguém é dono de ninguém e não mandam nela! Com arranjos de vanerão e a potência vocal da baixinha, temos uma das músicas marcantes do ano que se encerra e que deve permanecer nos ouvidos dos forrozeiros mais exigentes

Vou assumir – Aviões do Forró:

Solange Almeida convida a cantora internacional (mas desconhecida no Brasil) Edmásia e simplesmente arrebentou tudo. Uma performance vocal de causar inveja e uma letra que fala de amores que simplesmente acabam maltrata os corações, agrada aos ouvidos e arrepia o forrozeiro. Uma pena que a música foi bem aceita e não veio em nenhum cd oficial e ao que parece a própria banda desistiu dela vai saber o por quê…
Vou pagar pra ver – Wesley Safadão ft. Alexandre Avião

Lembrei de você – Forró Real :

O Forró Real é uma das bandas que tem história no forró e no Ceará mas que por erros estratégicos ou por falta de vontade, nunca ganhou o Nordeste por alguns erros técnicos. Vamos falar de acertos: Lembrei de você é uma canção linda que destaca a presença vocal e de palco de Janaína Alves, uma cantora extremamente talentosa, e que foi bastante regravada esse ano fazendo sucesso sobretudo com outros grupos. Infezlizmente o grupo foca em canções mais feias (algumas horrorosas) na voz dos cantores Fernandinho e Sebastian e vem deixando Jana com menor repertório. Uma pena porque ela tem potencial pra fazer muito mais que essa música que já é bem linda

Galera da Vilinha – Acácio:

O ferinha da Bahia como é conhecido fez barulho com a canção acima. A história do forrozeiro que sai pra beber e conquistar outras mulheres foi repetida com carinho e simpatia,resultado: de tão diferente, a música fez barulho e chamou atenção dos forrozeiros mal acostumados com essa onda horrorosa de ostentação. Acácio faz um repertório diferente,usa muito teclado e se bem assessorado pode ir mais longe sim

Dói né – Monique Pessoa :

Estourada com Aviões, Monique fez a versão mais bonita dessa canção em seu primeiro cd solo e mostrou que sua carreira não é apenas mais uma. A loira da voz aguda e potente fez a gente pensar que dói perder alguém que a gente ama muito

Eu tive medo – Luan Estilizado:

Revelação paraibana, o filho do cantor Amazan foi destaque no programa Super Star e seu primeiro sucesso na gravadora Som Livre (ele tem várias músicas em seus cds antigos e promocionais) mostra o que é forró de verdade com muito xote, romantismo e SANFONA pra dar e vender.

Você é meu melhor – Lagosta Bronzeada :

 

Lana Gama e sua Lagosta fazem o que podem acreditando no romantismo forrozeiro e lançaram essa canção linda onde a voz suave dela encanta com os versos da música do começo ao fim…

Ela te ama – Mara Pavanelly:

Sucesso de público mas nem sempre de crítica, Mara usa demais as músicas de ostentação e os arranjos de swingueira em seus shows mas quando fala de romantismo faz como poucas. Ela te ama é um bom exemplo disso, com letra forte e o gogó de ouro de Pavanelly essa é a melhor canção da carreira solo da cantora que tem ido bem na divulgação e entre os forrozeiros recentes. Os acostumados como passado dela, como eu, ainda reclamam

Gelo na Balada – Cavaleiros do Forró :

Costumo dizer que me sinto enganado pela atual Cavaleiros, pudera. Peruano virou uma espécia de Wesley Safadão da Padang Promoções que deixou pra trás a antiga Cavaleiros e agora investe neste estilo e quem quiser que sofra porque eles não tão muito dispostos a voltar ao que foram. Acho o repertório de péssimo gosto mas duas coisas precisam ser enfatizadas: Peruano tem uma voz potente e a canção Gelo na Balada é um dos maiores sucessos do ano.Seja pelos arranjos agitados como pela letra, mais uma dessas de mágoa por fim de relacionamento, como pela pegada que começa romântica e depois vira aquela bagaceira ostentadora que já estamos acostumados. Me desagrada bastante mas tenho que reconhecer que foi sucesso como poucas!

Tudo pelo seu amor – Forró da Curtição:

.

Márcia Fellipe mudou a curtição, chegou prometendo diferença e conseguiu. Há letras vergonhosas com a do Strip Tease e a super cantora se passando para cantar letras tão bagaceira e ostentadoras mas sempre com muito talento porque Marcinha é realmente uma das melhores no segmento apesar das decisões controversas na carreira. Tudo pelo seu amor é uma letra linda, a voz embala bem a canção do começo ao fim e arrisco dizer que só não foi mais longe porque Márcia fica perdida no meio daquelas músicas de Whisk e de dinheiro, daí o público que a ama no começo da carreira acaba não sendo atingido como deveria

Outras canções não discutidas mas que fizeram bonito e merecem ser ouvidas

Dá um oi – Banda Encantus

Agora sei que te amo – As Styllozas

Só pra você – Desejo de Menina

Outra Vez aqui – Leo Guilherme e Santo pênalti

Coração Pirata – Circuito Musical

Eu cuido de você em pensamento – Rita de Cássia

Com você faço amor – Noda de Caju

Espelho meu – Moleca 100 Vergonha

Coração magoado – Solteirões do Forró

A chave da felicidade – Mala 100 Alça

24 horas – Forró do Bom

Horizonte do teu corpo – Mastruz com Leite

Desenho – Mel com Terra

Texto meu publicado no blog: Paixões do Nordeste

Anúncios

Publicado em 28 de dezembro de 2014, em Uncategorized. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Comenta!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: